Planeamento estratégico em saúde num contexto de descentralização: o caso do Canadá e das suas províncias com destaque para o Québec

  • Raynald Pineault PhD, Emeritus Professor, Université de Montréal
  • Zulmira Hartz Professora catedrática convidada de Avaliação em Saúde; Global Health and Tropical Medicine, GHTM, Instituto de Higiene e Medicina Tropical, IHMT, Universidade Nova de Lisboa, UNL, Lisboa
Palavras-chave: Planeamento estratégico de saúde, contexto canadiano, evidência para o planeamento de saúde e descentralização

Resumo

Esta breve comunicação dos estudos analisados faz-se em três partes. Primeiro, uma apresentação do contexto canadiano. Em seguida, uma análise sobre o planeamento estratégico em saúde a nível federal e, depois, ao nível das províncias, salientando as vantagens e as desvantagens da descentralização na Província do Québec. Com base nestas experiências, concluímos com a apresentação de um quadro conceitual que serve para avaliar as experiências canadianas no planeamento em saúde do nível federal e provincial, exemplificado pelo Québec.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-09-26
Secção
Artigos Originais