A produção de conhecimentos na pós-graduação da ENSP - Fiocruz no contexto do território de Manguinhos no Município do Rio de Janeiro - Brasil

  • Marly Marques da Cruz Psicóloga, doutora em Saúde Pública. Pesquisadora titular da Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP/Fiocruz) do Departamento de Endemias Samuel Pessoa (DENSP) no Laboratório de Avaliação de Situações Endêmicas Regionais (LASER).
  • Ana Claudia Figueiró Nutricionista, doutora em Saúde Pública. Pesquisadora adjunta da Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP/Fiocruz) do Departamento de Endemias Samuel Pessoa (DENSP) no Laboratório de Avaliação de Situações Endêmicas Regionais (LASER).
  • Juliana Fernandes Kabad Cientista Social, mestre em Epidemiologia em Saúde Pública. Pesquisadora Assistente do Laboratório de Avaliação de Situações Endêmicas Regionais (LASER) da Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP/Fiocruz). Coordenadora adjunta da Rede de Políticas Públicas e Modelos de Atenção (PMA/VPPLR/Fiocruz).
  • Maria Aparecida dos Santos Psicóloga, doutora em Psicologia pela Universidade Federal Fluminense. Pesquisadora Assistente do Laboratório de Avaliação de Situações Endêmicas Regionais (LASER) da Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP/Fiocruz).
  • Zulmira Hartz Professora catedrática convidada de Avaliação em Saúde; Global Health and Tropical Medicine, GHTM, Instituto de Higiene e Medicina Tropical, IHMT, Universidade Nova de Lisboa, UNL, Lisboa, Portugal.
Palavras-chave: Avaliação em saúde, gestão do conhecimento, ensino, rede social

Resumo

O objetivo foi avaliar a ocorrência e condições da produção de conhecimento nos cursos de pós-graduação stricto e lato sensu da ENSP/Fiocruz no contexto do território de Manguinhos. Abordagem metodológica foi Teoria do Ator Rede para investigação de objeto em ação. Realizou-se busca de trabalhos de conclusão de 2004 a 2013 e entrevistas com gestores, coordenadores e docentes. Foram 49 trabalhos, de 37 orientadores e 71 alunos e a análise da rede sociotécnica revelou a natureza social e dinâmica da formação em termos de solução de problemas locais. O distanciamento entre modelos de ensino e pesquisa evidenciou pouco envolvimento com objetos de interesse dos serviços de saúde que assistem a população local. As lacunas apontam necessária construção de aproximações ensino- -pesquisa-território.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

1. BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos.
Departamento de Ciência e Tecnologia. Política Nacional de Gestão de Tecnologias
em Saúde/ Ministério da Saúde, Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos,
Departamento de Ciência e Tecnologia. – Brasília: Ministério da Saúde, 2010. 48 p.
2. BARDIN, L. Análise de Conteúdo. São Paulo: Edições 70 Ltda, 2011. 279p.
3. BILODEAU, A; BOUTEILLER, D; FILION, G; PERREAULT, M; LABRIE, L. La pérennisation
des programmes de promotion de la santé en entrepriseest-elle possible? Le
cas de quatreentreprisesprivéesquébécoises de travailleurscolsbleus. Revue Canadienne
De Santé Publique.96(2): 114-120, 2005.
4. FIGUEIRÓ, AC; OLIVEIRA, SRA; HARTZ, Z, et al. A tool for exploring the dynamics
of innovative interventions for public health: the critical event card. Int J Public
Health (2016). doi:10.1007/s00038-016-0861-5
5. HARTZ, ZMA, DENIS, JL, MOREIRA, E, MATIDA, A. From Knowledge to action:
challenges and opportunities for increasing the use of evaluation in health promotion
policies and practices. In: MCQUEEN, DV; POTVIN, L, (org.). Health Promotion Evaluation
Practices in the Americas: Values and Research.New York: Springer; p.101-20,
2008.
6. MINAYO, MCS. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde.9.ed. São
Paulo: Hucitec; 2006.
7. MOL, A. Actor-Network Theory: Sensitive Terms and Enduring Tensions. Kölner-
ZeltschriftfürSoziologie und Sozialpsychologie (v. 50, nº 1, pp. 253-269). Amsterdan,
2010.
8. MOREL, CM; SERRUYA, SJ; PENNA, GO; GUIMARÃES, R. Co-authorship network
analysis: A powerful tool for strategic planning of research, development and
capacity building programs on neglected diseases. PLoSNeglected Tropical Diseases;
3:e501, 2009.
9. MOREL, CM. A pesquisa em saúde e os objetivos do milênio: desafios e oportunidades
globais, soluções e políticas nacionais. Ciência & Saúde Coletiva; 9(2): 261-270, 2004.
10. POTVIN, L; GENDRON, S. Programação e avaliação em saúde. In: Seminário
avançado: programação e avaliação em promoção da saúde. [Apostila] Recife: Instituto
Materno Infantil Prof. Fernando Figueira; 2006.
Publicado
2018-08-28
Como Citar
1.
Marques da Cruz M, Figueiró AC, Fernandes Kabad J, dos Santos MA, Hartz Z. A produção de conhecimentos na pós-graduação da ENSP - Fiocruz no contexto do território de Manguinhos no Município do Rio de Janeiro - Brasil. ihmt [Internet]. 28Ago.2018 [citado 8Dez.2022];15:41-6. Available from: https://anaisihmt.com/index.php/ihmt/article/view/124
Secção
Gestão, meta-avaliação e redes de conhecimento